Pular para o conteúdo principal

Uma Visão Sobre Escolhas Alimentares & Atividade Física em Tempos de Fim do Mundo

Preferi esperar a poeira baixar, dar tempo de nos adaptarmos a nova realidade em relação a pandemia com a qual ainda estamos lidando, antes de trazer alguns pontos que podem servir de verdadeiras pérolas para todos nós, tanto onívoros (aqueles que comem de tudo), quanto vegetarianos (aqueles que restringem parcialmente ou completamente o consumo de produtos de origem animal). De fato, não imaginei que passaríamos por isso;  já demos adeus a mais de um milhão de vidas (e subindo...) ( WORLDOMETERS, 2020 ) por conta de um vírus que tende a ser ainda mais perigoso quando infecta portadores de doenças crônicas como diabetes e hipertensão, asma, assim como obesos e indivíduos acima de 60 anos ( CENTRO DE CONTROLE E PREVENÇÃO DE DOENÇAS, 2020 ). Nos escondemos atrás de máscaras e litros de álcool em gel, mas sem nós dar conta de que através do desenvolvimento de Fitness (Hábitos Saudáveis, Educação Física e Nutrição), poderíamos prevenir não só as chances de termos graves complicações ao li

6 Hábitos Pós Treino Que Destroem Qualquer Atividade Física

Você acabou de dar tudo o que podia para terminar esses trinta minutos incessantes de exercício, se antes corria como em um passeio no parque, hoje segue uma rotina que lembra mais uma fuga alucinante de uma horda de zumbis Jedi, se antes levantava uns pesinhos e fazia umas barras na estação de alongamento do parque, agora se dedica como se erguesse o peso do mundo antes prestes a cair sobre o iPhone 6 que ganhou a poucas semanas.


Fez tudo certo! Dormiu bem na noite anterior, comeu bem nas refeições antecedentes, mas daí por algum motivo que desconhece, os resultados parecem estagnados! Já passou por isso? Ainda que os motivos possam ser muitos, abaixo seguem 6 Hábitos Que Destroem Seu Esforço Na Atividade Física:

1) Não Se Hidratar. Suar muito durante a atividade física não é sinônimo de perder mais ou menos peso, mas definitivamente tem um impacto em sua performance, tanto durante, quanto no processo de recuperação após o exercício físico. Beba no mínimo 500 ml de água por hora de atividade. Se esforce para diariamente beber 1 litro de água para cada 20 kg de peso corporal.

2) Não Comer Carboidratos E Proteínas No período Após A Atividade. Uma opção balanceada ajudará você a recuperar a energia de seus músculos mais rápido e evitará aquele desejo súbito por comer besteiras e doces.


3) Não Desacelerar O Ritmo Do Seu Corpo. Através de alongamentos, alguns minutos de atividades leves, uso do rolo e esferas para massagem, você diminui sua freqüência cardíaca de maneira suave, diminui os riscos de sentir dores musculares desnecessárias, assim como aprimora sua flexibilidade.

4) Não Saber Quando Será Seu Próximo Treino. De que adianta incorporar o Rambo ou a Ronda Rousey na sessão de hoje, se ainda não planejou o próximo? Atletas de fim de semana possuem mais chances de ataques cardíacos repentinos, assim como risco aumentado de lesões articulares.

5) Não Gostar Do Que Está Fazendo. Eu odeio cada repetição de meu treino! Mas existe uma diferença entre se expressar assim pois você é louco por desafios, pesos pesados e desconforto quando se trata de exercícios físicos, e se expressar assim pois você realmente não gosta da atividade que está fazendo. É muito difícil criar consistência com as atividades físicas, quando não nos identificamos com o tipo de exercício escolhido.

6) Roubar Nas Repetições E Abrir Mão Da Boa Execução de Cada Exercício. Você não só perde a chance de mapear seus avanços de maneira precisa, assim como abre portas para lesões que podem te deixar fora de qualquer atividade por muito tempo. Sendo assim, pense duas vezes antes de colocar aquela anilha extra na hora do levantamento terra.


Força. E Aprimore Seus Hábitos.

Postagens mais visitadas deste blog

Passei 1 Mês Comendo 1 Refeição Ao Dia

Janeiro de 2017, acabara de me mudar para uma nova casa. Segui curtindo meu novo emprego (trabalho também como modelo em uma empresa de ecommerce ) e super motivado a tentar algo novo, muito diferente do que simplesmente cortar alimentos refinados como vimos no artigo anterior . A ideia era contrariar uma das estratégias mais eficazes e básicas que você vai ouvir ao visitar um nutricionista: Coma de três em três horas. Os motivos para se comer assim são realmente eficazes e incluem: 1) Níveis de energia mais controlados devido à distribuição de açúcar constante e nutrição adequada durante todos os momentos do dia. 2) Menos fome repentina e desejo de comer besteiras monstruosamente; também devido ao açúcar controlado. 3) Maior chance de aproveitamento de tudo o que ingerimos e consequentemente melhor digestão. 4) Diminuição de catabolismo muscular (dano e possível perda de massa magra). 5) Você come menos, de maneira mais controlada e acelera seu metabolis

Meu Primeiro Ciclo Anabolizante

O que você precisa saber antes de ler esse artigo: 1) Não vai ter "para, para, para" do João Cléber. 2) A venda de anabolizantes e suplementos alimentares estrangeiros sem registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e sem informações de rotulagem em português é crime contra a saúde pública. 3) Por outro lado, a venda e prescrição de determinadas substâncias anabolizantes no Brasil não é ilegal desde que prescrita pelo devido médico. Segue o artigo: Art. 1o A dispensação ou a venda de medicamentos do grupo terapêutico dos esteroides ou peptídeos anabolizantes para uso humano estarão restritas à apresentação e retenção, pela farmácia ou drogaria, da cópia carbonada de receita emitida por médico ou dentista devidamente registrados nos respectivos conselhos profissionais.   ( PLANALTO, 2000 ) Com uma observação: Mesmo respeitando a lei, ou com a prescrição de um médico, tomar anabolizantes, seja para reposição ou para correção do nív

Apagar e Acender a Luz Não Queima a Lâmpada

- Nilo, dá para tirar o dedo do interruptor? Isso aqui não é boate não menino, vai acabar queimando essa luz. Faz tempo, mas daquelas verdade indiscutíveis de meus dias hiperativos, essa é uma daquelas que hoje posso rebater com toda certeza: Apagar e acender a luz não queima lâmpada alguma! Pelo menos não a do corpo humano. Pelo contrário, lhe ajuda a queimar gordura, acelera o metabolismo e faz o custo benefício de cada minuto de exercício subir ainda mais. Mas que lâmpada é essa a que me refiro? Apenas uma maneira figurada de entender nossa capacidade de gerar potência. Assim como uma lâmpada que consome mais energia de acordo com a intensidade de sua luz, o corpo humano também consome mais energia de acordo com a intensidade da atividade física que exercemos. E fato é que entre manter nossa lâmpada acesa com a luz bem suave por várias horas e deixá-la queimar com o máximo de incandescência possível ainda que por curtos períodos de tempo por repetidas vezes, é a segunda o