Pular para o conteúdo principal

Treino de Pegada & Antebraço Por Um Coração Saudável

Está certo que você consegue ir na academia fazer séries intermináveis de agachamento ou supino, mas ainda assim tem uma questão que provavelmente ficou de lado, igual o treino de panturrilha. O seu treino de antebraço! E não é pela simples estética, simetria, ou preocupação se o seu antebraço está proporcional ao seu braço. E muito menos algo que apenas homens deveriam buscar melhorar.


Treinar sua pegada, ou seja, a força que você tem ao segurar um objeto, assim como simultaneamente treinar os músculos envolvidos no seu antebraço, pode fazer total diferença no seu resultado final, tanto estético como na sua resistência e saúde cardiovascular. A sua capacidade de demonstrar força em movimentos que exijam agarrar, puxar, segurar não só são utilizadas em movimentos ginásticos e exercícios da musculação, como também no seu dia a dia.

Lembre das vezes em que você tem que abrir uma embalagem, um pote, carregar sacolas pesadas de compras e sua bagagem na hora da viagem.
Essa pesquisa recente…

Colesterol Não Faz Mal, A Inflamação Faz

Meu irmão adora falar que tudo relacionado a Fitness* é muito complicado, que as informações estão sempre mudando.

*Fitness compreende sua aptidão física perante a qualquer situação ou meio ambiente, seja ao ter que se proteger em uma situação de emergência, erguer um carro para salvar alguém, pular muros para fugir de algum ex enfurecido ou, resistir as guloseimas das festas de fim de ano.

Infelizmente parece ser verdade, basta uma pesquisa simples e logo iremos encontrar estudos que se diferem em resultados alcançados. Vale lembrar porém, que todo estudo é dependente de um patrocínio e é muito difícil ter certeza de que os mesmos são conduzidos com total imparcialidade, sem que atendam os interesses de um determinado idealizador ou empreiteira.


Como um indivíduo bem cético e ainda assim na figura de educador físico, continuo a alimentar a Nilogia de estimular práticas que remontem aos nossos extintos naturais antes de tudo. Quando isso se refere a colesterol, acaba sendo consequentemente, um convite a uma alimentação mais rica em gorduras e proteínas e consequentemente mais baixa em carboidratos, afinal de contas, nossos tatatatataravós, não tinham acesso a pãezinhos integrais, óleos, iogurte, sorvete, fast food, bolos, suco, cerveja ou qualquer outra dessas guloseimas oferecidas em nosso Fantástico Mundo de Supermercado.

Então proponho uma explicação simples em relação  ao colesterol, levando em conta apenas o que as evidências científicas, em geral concordam, deixando de lado o conflito se gordura é boa ou ruim, considerando apenas o concreto, ou pelo menos o que temos até hoje.

O colesterol é uma das substâncias mais importantes de nosso corpo, sem ele, não existiríamos. Nosso cérebro e o sistema nervoso está cheio dele, as paredes de nossas células dependem de colesterol, quase todos os nossos hormônios são feitos de colesterol. O colesterol é tão, mas tão importante, que quase todas as células de nosso corpo são capazes de produzi-lo se for preciso.


A respeito do colesterol, é provável que já tenha ouvido que se você tem muito LDL, ele se acumula nas suas artérias e as torna estreitas (por isso o chamamos de colesterol ruim), mas se estivermos com sorte, o HDL (o colesterol bom), pega o LDL e o leva embora.

Acontece porém, que de fato o LDL e HDL não são colesterol, e sim proteínas de transporte responsáveis por carregar o colesterol (gordura) através do sangue, basta ver a tradução:  

HDL - High Density Lipoprotein: Lipoproteína de Alta Densidade
LDL - Low Density Lipoprotein: Lipoproteínas de Baixa Densidade

*Lipo pois transportam gordura, se transportassem açúcar por exemplo, seriam glico.

O LDL leva o colesterol do fígado para as artérias e tecidos, já o HDL leva o colesterol velho de volta para o fígado, onde ele pode ser reciclado.


E apesar de sua reputação ruim, o LDL também não é ruim, na verdade ele é nosso amiguinho!

Quando as artérias se tornam danificadas ou inflamadas, o LDL faz exatamente o que deveria fazer, ele traz colesterol para ajudar no processo de cicatrização. Existem dois tipos de LDL:

Tipo A: Partículas maiores
Tipo B: Partículas menores

Quando ocorrem essas inflamações, o LDL do tipo B, menorzinho, aos poucos penetra na parede das artérias, onde o colesterol se acumula, o HDL, que é grande e não passa pela parede, não consegue resgatá-lo, assim como faz com o LDL do Tipo A. Esse LDL do tipo B, formado por partículas menores não consegue retornar e dá início a formação de placas, e pronto! Agora temos uma doença cardíaca em formação.

Conclusão: Não é o colesterol alto que causa doença cardíaca. É a inflamação que a causa doença cardíaca.

O problema existe apenas se você se sujeita a processos inflamatórios.

As placas que se formam do acúmulo de colesterol são sintomas, a causa da inflamação é uma variante que pode incluir entre outras possibilidades o estresse, disfunção hormonal, acúmulo de pesos, sedentarismo, uso de medicamentos, noites mal dormidas, cansaço extremo, cigarro, alimentação rica em açúcares, consumo desequilibrado de gorduras de um determinado tipo, principalmente os diversos óleos vegetais, exaustão de algum órgão específico, etc.

Se você é saudável, e quer HDL mais alto, e não se preocupar com LDL, a última coisa que precisa é de uma dieta pobre em gorduras.

Comer, equilibrando diferentes fontes de gordura, como nozes, castanhas, sementes, incluindo também a gordura animal é tanto uma necessidade, quanto comer proteínas e carboidratos de qualidade.

Solução: Menos exames de sangue, menos blá blá blá, menos idas ao médico e mais mudanças de hábitos que nos levem a resultados: Uma vida mais ativa, menor retenção de gordura corporal, aumento de massa magra e tecido ósseo, menos remédios e vacinas. Mais alimentação a base de folhas, plantas, verduras, legumes (carnes, peixe, frango, leite e ovos) da melhor qualidade possível, preferencialmente orgânicos, com menos ou nenhuma adição de conservantes e aditivos. É bom para você, é bom para o planeta.

Postagens mais visitadas deste blog

Passei 1 Mês Comendo 1 Refeição Ao Dia

Janeiro de 2017, acabara de me mudar para uma nova casa. Segui curtindo meu novo emprego (trabalho também como modelo em uma empresa de ecommerce) e super motivado a tentar algo novo, muito diferente do que simplesmente cortar alimentos refinados como vimos no artigo anterior.
A ideia era contrariar uma das estratégias mais eficazes e básicas que você vai ouvir ao visitar um nutricionista:
Coma de três em três horas.
Os motivos para se comer assim são realmente eficazes e incluem:
1) Níveis de energia mais controlados devido à distribuição de açúcar constante e nutrição adequada durante todos os momentos do dia.
2) Menos fome repentina e desejo de comer besteiras monstruosamente; também devido ao açúcar controlado.
3) Maior chance de aproveitamento de tudo o que ingerimos e consequentemente melhor digestão.
4) Diminuição de catabolismo muscular (dano e possível perda de massa magra).
5) Você come menos, de maneira mais controlada e acelera seu metabolismo.
E tudo isso pode ser comprovado po…

Meu Primeiro Ciclo Anabolizante

O que você precisa saber antes de ler esse artigo:
1) Não vai ter "para, para, para" do João Cléber.



2) A venda de anabolizantes e suplementos alimentares estrangeiros sem registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e sem informações de rotulagem em português é crime contra a saúde pública.

3) Por outro lado, a venda e prescrição de determinadas substâncias anabolizantes no Brasil não é ilegal desde que prescrita pelo devido médico.
Segue o artigo:

Art. 1o A dispensação ou a venda de medicamentos do grupo terapêutico dos esteroides ou peptídeos anabolizantes para uso humano estarão restritas à apresentação e retenção, pela farmácia ou drogaria, da cópia carbonada de receita emitida por médico ou dentista devidamente registrados nos respectivos conselhos profissionais.(PLANALTO, 2000)
Com uma observação:

Mesmo respeitando a lei, ou com a prescrição de um médico, tomar anabolizantes, seja para reposição ou para correção do nível de algum determinado hormônio pode a…

3 Estratégias para Comer Como um Unicórnio & Não Ganhar Gordura Corporal

Caso você não saiba, unicórnios são criaturas graciosas que apesar de raramente vistas, comem muito e ainda assim trotam por aí arrancando suspiros de seres humanos indefesos.


Ainda assim, por mais mágicos que eles sejam, existem também seres humanos que comem muito, talvez dois ou três unicórnios por refeição e ainda assim nós fazem questionar e arrumar desculpas para os mesmo seguirem sempre esbeltos:

"É a genética." Silvio Santos
"Está tomando bomba." Hulk
"Deve ter algo vivendo dentro da barriga." Alien

Brincadeiras a parte, chegamos ao ponto de desconfiarmos se o indivíduo em questão não sofre de bulimia ou algum distúrbio de ansiedade.

Escrevo tudo isso com base no fato de que eu sou um desses destruidores de comida e por muitas vezes me senti alvo de críticas e inibido ao sair para comer com aqueles que não me conhecem tão bem.

Mas então? Qual é o segredo? O Nilogia Fitness foi até até o Reino Encantado das Coisas Que Não Acreditamos Serem Possíveis p…